Adventist News Network®

The official news service of the Seventh-day Adventist world church

Por que o dirigente máximo da Igreja Adventista apóia a Bíblia e Ellen White

Entrevista: Ted N. C. Wilson compartilha os motivos de suas convicções profundas—e elas começam e terminam com Jesus.

Por que o dirigente máximo da Igreja Adventista apóia a Bíblia e Ellen White

Ellen White, na primeira fila, quinta à esquerda, participando de uma reunião campal em Nova York, em 1880. O bisavô de Wilson participou de um evento semelhante com White. [Foto de cortesia da The Ellen G. White Estate]

Magnifying Glass View Larger

Entrevista: Ted N. C. Wilson compartilha os motivos de suas convicções profundas—e elas começam e terminam com Jesus.


O avô de Ted N. C. Wilson, presidente da Igreja Adventista do Sétimo Dia, sentava-se quando menino aos pés da co-fundadora da Igreja, Ellen G. White, e ouvia suas histórias. White, que morava perto, visitava a casa de Wilson perto de Healdsburg, Califórnia, no início de 1900.

O avô de Wilson, Nathaniel C. Wilson, e seus três irmãos ansiosamente se reuniam em torno de sua cadeira toda vez.

“Meu avô se lembrava de como Ellen White vinha a sua casa de sítio quando ele era um menino, e de como ela amorosamente contava histórias a ele e seus irmãos e como eles se sentavam aos seus pés”, disse Ted Wilson.

Mas essas visitas não são a única razão por que  a família Wilson tem boas lembranças de White, uma prolífica autora e evangelista incansável a quem os adventistas atribuem a posse do dom da profecia. A família Wilson deve o seu conhecimento da mensagem do Advento à atividade evangelística prática e profética direta de White,  contou Wilson.

A história começou quando os bisavós de Wilson, William e Isabella, imigraram para os Estados Unidos vindos da Irlanda por volta de 1870, tornando-se fazendeiros de frutas e gado e proprietários de uma loja no campo, na Califórnia. 

O casal teve quatro filhos, incluindo o avô de Wilson. Isabella entrou para a Igreja Adventista, mas William não. 

Então William participou de uma reunião campal adventista, a convite de sua esposa em 1905. A oradora foi Ellen White, e ela falou sobre a necessidade de todos os pecadores terem um Salvador e permitir que Ele mude suas vidas.

“Ela fez um apelo sério e, para surpresa de Isabella, William levantou-se e foi para a frente, entregando o seu coração ao Senhor”, relatou Wilson.

William estudou a mensagem do advento por um ano. Ele passou a fechar sua loja no sábado e foi batizado. Mais tarde, se tornou o primeiro ancião da Igreja Adventista do Sétimo Dia de Healdsburg, a localização precursora do Colégio União do Pacífico. 

“Cristo mudou sua vida, e ele se tornou conhecido como um homem generoso, que ajudava as pessoas necessitadas”, relata Wilson. 

A transformação na vida do bisavô William Wilson está entre as razões pela quais Ted Wilson é um apoiador firme tanto da Bíblia quanto dos escritos de Ellen White, a que os adventistas comumente se referem como o Espírito de Profecia. Mais significativamente, disse Wilson, a Bíblia e o Espírito de Profecia vieram da mesma fonte —Deus—e têm a mesma mensagem—apontando as pessoas para Jesus e preparando-as para o Seu breve retorno.

Wilson tem falado repetidamente sobre suas convicções profundas sobre a Bíblia e o Espírito de Profecia durante seus cinco anos como presidente da Igreja Adventista a nível mundial, e indicou depois de ser eleito para um segundo mandato de cinco anos em julho passado que iria prosseguir dando enfoque ao assunto.

A razão, segundo ele, é que o Espírito de Profecia foi confiado à Igreja Adventista do Sétimo Dia para ser compartilhado com o mundo nos últimos dias de sua história. “O Espírito de Profecia foi dado para nutrir e ajudar o movimento de Deus dos últimos dias com a instrução do céu”, afirmou.

“Ele usou o Espírito de Profecia para orientar no estabelecimento de Sua igreja remanescente, a Igreja Adventista do Sétimo Dia”, disse ele. “Essas pessoas O amam supremamente e seguem os Seus mandamentos através do Seu poder. Ele está usando o Espírito de Profecia para prosperar Sua igreja dos últimos dias no crescente movimento do Advento de milhões de membros em todo o mundo”. 

A entrevista seguinte é baseada numa mensagem do sábado que Ted Wilson apresentou durante o Simpósio do Espírito de Profecia na Universidade Andrews, em 17 de outubro:

P: O chamado de Ellen White foi bíblico?

Na Igreja Adventista do Sétimo Dia aceitamos Ellen G. White como uma serva do Senhor moderna e profetisa.

Eu pessoalmente acredito e atesto que os escritos do Espírito de Profecia são críveis e verdadeiros, porque Ellen G. White e seu ministério profético passam os quatro testes bíblicos de um profeta:

  1. Seus escritos concordam com a Bíblia cumprindo Isaías 8:20: “À lei e ao testemunho! Se eles não falarem segundo esta palavra, é porque não têm iluminação”.
  2. Sua vida e obra dão testemunho de sua ligação com Deus cumprindo Mateus 7:20: “Portanto, pelos seus frutos os conhecereis.”
  3. Suas profecias se cumpriram, em conformidade com Jeremias 28: 9: “Quanto ao profeta que profetiza de paz, quando a palavra do profeta vier a acontecer, o profeta será conhecido como aquele a quem o Senhor na verdade enviou”.
  4. Seus escritos exaltam a Cristo e afirmar-No como o Filho de Deus que veio a este mundo para nos salvar, cumprindo I João 4: 2: “Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus” 

Além disso, sua vida e obra também se verifica por meio de manifestações físicas durante visões, o tempo adequado de sua obra no final do tempo, a certeza e a coragem de seus pronunciamentos, o alto plano espiritual de seu trabalho e a natureza prática de suas explicações sobre múltiplos aspectos da vida cristã. 

P: Por que os adventistas se referem aos escritos de Ellen White como o Espírito de Profecia?

O espírito de profecia é descrito pela Bíblia como uma das duas características da Igreja Remanescente de Deus dos últimos dias.

Apocalipse 12:17 diz: “E o dragão [Satanás] irou-se contra a mulher [igreja de Deus], ​​ e foi fazer guerra ao remanescente da sua semente, os que guardam os mandamentos de Deus, e têm o testemunho de Jesus Cristo.

Apocalipse 19:10 explica que “o testemunho de Jesus é o espírito de profecia”.

As duas características distintivas do povo de Deus são bem claras: as pessoas que guardam os mandamentos de Deus—incluindo o vital quarto mandamento, que identifica quem é Deus e indica submissão ao nosso Criador, que em seis literais, dias consecutivos criou esta Terra recentemente por Sua palavra e depois descansou no sábado do sétimo dia—e têm o testemunho de Jesus, que a Bíblia identifica como o “espírito de profecia”. 

Os mandamentos de Deus e o testemunho de Jesus, ou o Espírito de Profecia, vêm da mesma fonte: o próprio Deus. 

P: Os escritos de Ellen White têm igualdade com a Bíblia? 

Os adventistas do sétimo dia não retratam o Espírito de Profecia como parte da Bíblia ou igual à Bíblia. Como a própria Ellen White indicou, o Espírito de Profecia é para conduzir à Bíblia. No entanto, acredito plenamente que o Espírito de Profecia é inspirado tanto quanto a inspiração celestial da Bíblia, uma vez que é o testemunho de Jesus. 

P: É Ellen White relevante hoje?

Vimos e estamos vendo determinados esforços por parte de pessoas motivadas por Satanás em atacar os escritos de Ellen White e torná-los “de nenhum efeito”. A Palavra de Deus e o Espírito de Profecia ambos são produtos de inspiração celestial e são, portanto, relatos precisos descrevendo o grande conflito entre o bem e o mal, entre Cristo e Satanás. É por isso que o diabo está determinado a destruir a verdade encontrada na Bíblia e no Espírito de Profecia.

O testemunho de Jesus, que é o Espírito de Profecia, é parte integrante do Movimento do Advento. Acredito que o Espírito de Profecia é um dos maiores dons de Deus para a Igreja Adventista do Sétimo Dia. Centra-se em Cristo e Sua Palavra—Sua justiça abrangente, Seu plano de salvação, Sua graça e Seu ministério no Lugar Santíssimo no santuário celestial. O Espírito de Profecia retrata o plano de Deus para o seu povo ao viver neste tempo do fim e que espera em breve a segunda vinda de Cristo. Os acontecimentos finais do grande conflito estão prestes a ter lugar. Creio que Jesus está vindo em breve!

O Espírito de Profecia é tão relevante hoje como era quando foi escrito. É preciso, edificante, instrutivo e poderoso como ao apontar a Cristo e à Bíblia Sagrada. É verdadeiramente o testemunho de Jesus e é por isso que acredito no ministério profético de Ellen White.

P: Preocupa-se sobre como os membros da Igreja tratam a Bíblia e os escritos de Ellen White?

À medida que enfrentamos os últimos dias da história da Terra, sabemos que haverá um esforço determinado por Satanás para destruir a eficácia da Bíblia e do Espírito de Profecia. Vemos a neutralização da autoridade da Palavra de Deus ao nosso redor. O método histórico-crítico aplicado à Palavra de Deus reduz a sua eficácia como autoritária. É o plano de Satanás para minar o claro “Assim diz o Senhor”.

Uma das maiores ameaças contra o Espírito de Profecia não é necessariamente animosidade mas, sim, a ameaça de indiferença. Hoje muitos membros da Igreja não estão familiarizados com ele, não o lêem, ou simplesmente o ignoram.

Em “Testemunhos para a Igreja”, Vol. 4, págs. 390-391, lemos: “Os volumes do Espírito de Profecia [precursor da série Conflito dos Séculos], e também os testemunhos, devem ser introduzidos em cada família observadora do sábado, e os irmãos devem saber o seu valor e ser instados a lê-los. . . . Devem estar na biblioteca de cada família e serem lidos vez após vez. Deixe-os mantidos onde possam ser lidos por muitos, e deixe-nos serem gastos, sendo lidos por todos os vizinhos”. 

Vários projetos, incluindo “Ligando-se com Jesus”, têm feito circular milhões de livros do Espírito de Profecia para o público e membros da Igreja ao redor do mundo. A rápida expansão da Igreja Adventista do Sétimo Dia exige que nossos membros conheçam em seus próprios idiomas e dialetos que conselhos do Espírito de Profecia Deus tem para a Sua igreja dos últimos dias. 

O diabo tem máxima intenção de destruir a influência da Bíblia e do Espírito de Profecia, pois contêm os conselhos necessários para ajudar a terminar a obra de Deus na Terra, através do poder do Espírito Santo.

P: Qual é o impacto dos escritos de Ellen White sobre a Igreja e o mundo?

Esta Igreja não estaria onde está sem a orientação especial dada por Deus através de Ellen White nos escritos do Espírito de Profecia. 

O conselho do Espírito de Profecia tem sido a instrumentalidade para o estabelecimento de instituições de publicações, saúde, educação, humanitárias e de mídia. O Espírito de Profecia orienta a expansão pastoral, evangelística, missionária e administrativa da Igreja. O Espírito de Profecia fornece instruções em quase todos os aspectos da vida, incluindo teologia, estilo de vida, saúde pessoal, família, lar, jovens, relações interpessoais, mordomia, e muitos outros. O Espírito de Profecia está guiando o povo de Deus e sempre estará até o Senhor voltar. Isto também é razão por que  acredito no ministério profético de Ellen G. White. 

Como resultado da orientação do Espírito de Profecia, a Igreja Adventista do Sétimo Dia não é apenas uma outra denominação, mas um Movimento do Advento de origem celeste com um destino especial—uma missão e mensagem para proclamar encontrada em Apocalipse 14: 6-12—a mensagem dos três anjos. “Testimonies”, Vol. 9, pág. 19, nos diz: “Num sentido especial os adventistas do sétimo dia foram postos no mundo como vigias e portadores de luz. Para eles foi confiada a última advertência para um mundo que perece. Sobre eles está brilhando maravilhosa luz da Palavra de Deus. A eles foi confiada uma obra da mais solene importância—a proclamação da primeira, segunda e terceira mensagens angélicas. Não há nenhuma outra obra de tão grande importância. Eles não devem permitir que nada mais lhes absorva a atenção”.

P: O que Ellen White diria para as pessoas que expressam decepção na Igreja? 

O diabo sabe que se puder fazer o povo de Deus olhar para si mesmos e suas próprias opiniões em vez de olhar para Cristo, será capaz de trazer a discórdia, a desunião, e tensão. É uma de suas maiores ferramentas contra a missão da Igreja Adventista do Sétimo Dia.

Outra razão poderosa por que creio no ministério profético de Ellen White através do Espírito de Profecia é a ênfase na unidade que é apresentada. 

Deus nos chamou para ser participantes da maior proclamação da verdade na história, o ponto culminante do grande conflito entre Cristo e Satanás. Deus nos confia a tarefa de compartilhar a Cristo que viveu uma vida sem pecado, morreu por nós, ressuscitou, e agora está intercedendo em nosso favor como nosso Sumo Sacerdote e que deve voltar em breve para nos levar para o céu. Fomos chamados a compartilhar a Palavra de Deus em todo o seu poder por meio da orientação do Espírito Santo. 

Nesta vocação celestial, seremos confrontados por pessoas que não concordam com a nossa mensagem e missão. Podemos ser tentados a ficar desanimados com a apatia de outros dentro da igreja. O que quer que possamos enfrentar, não devemos ser tentados a trabalhar de forma independente e à parte da Igreja. Somos chamados a trabalhar dentro da Igreja remanescente de Deus dos últimos dias, não separada dela. 

Fiquem unidos com sua igreja local e com a família da Igreja em todo o mundo. Fiquem junto à Igreja, independentemente de suas imperfeições. Mantenham o Senhor e Sua missão para Sua igreja sempre diante de si.

P: Quando criança, o que achava de Ellen White? 

Eu cresci num lar que dedicava ao Espírito de Profecia grande respeito. Meu pai sempre falava de forma muito positiva e apaixonadamente sobre isso. Minha mãe conservava essa lealdade inabalável na Palavra de Deus e no Espírito de Profecia. Nunca ouvi uma palavra de desprezo ou um comentário depreciativo de meus pais sobre a Bíblia ou o Espírito de Profecia.

Minha maravilhosa esposa, Nancy, cresceu num lar com a mesma atitude positiva. Ela adora ler diariamente a Bíblia e o Espírito de Profecia como também eu. Isso tem uma tremenda influência em nossa casa. Avancei desde o início em que foi incutida confiança em meu coração pelos meus pais para a minha própria apreciação profunda e pessoal do conselho, direção e esclarecimento no Espírito de Profecia. Pais, incutam em seus filhos um amor e confiança na Santa Palavra de Deus e no Espírito de Profecia. Enquanto leio o Espírito de Profecia, aceito a sua inspiração por Deus porque é o testemunho de Jesus.

P: O que o Espírito de Profecia tem-lhe feito pessoalmente? 

Apontou-me para Cristo e Seu plano de salvação. Apontou-me de volta à Bíblia. Ampliou muitos aspectos da Escritura. Deu-me uma forte crença na liderança de Deus na vida de quem se compromete em Suas mãos como já observei no trabalho dos pioneiros de nossa Igreja. Concedeu-me uma nova visão para a vida cristã. Chamou-me para mais perto de Cristo.

Tem propiciado uma incrível compreensão de como cumprir a missão que nos foi confiada por Aquele mesmo que inspirou o Espírito de Profecia. Por exemplo, deu-me um fardo incomum para “Reavivamento e Reforma”, para “Missão para as Cidades”, para “Ministério de Saúde Integral”, por Cristo e Sua justiça, por fidelidade a Deus, por “total envolvimento dos membros” de que vai ouvir muito mais, pelo uso de publicações e meios de comunicação social no nosso trabalho evangelístico, para uma compreensão das profecias, para o serviço do santuário, para o trabalho dos departamentos e assim por diante. Aponta-nos de volta a Cristo e Sua obra por nós na cruz, e Sua breve Segunda Vinda.

Você lê o Espírito de Profecia e será mudado positivamente para sempre ao nos apontar de volta a Cristo, Seu ministério e Seu trabalho por nós em preparar um mundo por meio da direção do Espírito Santo para o novo mundo que virá após o retorno do Senhor.  O Espírito de Profecia me tem dado um recurso inesgotável para a implementação dos planos do Céu para o Movimento do Advento. Quando penso sobre o Espírito de Profecia, vibro feliz no contentamento de que Deus nos tenha concedido tanta informação para realizar a Sua vontade em nossa vida pessoal e para a missão de sua Igreja para o mundo. 

Para mim, pessoalmente, sinto-me muito empolgado em ter a Palavra de Deus e o Espírito de Profecia. Não há melhores fontes de instrução clara, compreensível, da parte de Deus. Estas duas fontes celestiais de instrução de Deus têm-me dado uma confiança muito resoluta no próprio Deus e Seus planos para mim e você.